Pages

Subscribe:

domingo, 1 de dezembro de 2013

VAGALUMES

ESTA POESIA FIZ PARA CONCORRER EM UM FESTIVAL DE MUSICA EM CRUZÍLIA - MINAS GERAIS E CONSEGUI TERCEIRO LUGAR NA OCASIÃO.... FOI EM 1993.... VAGALUMES PISCAM , NESTA ESCURIDÃO MALDITA.... ESTRELAS AFLITAS CONDENAM A MULTIDÃO..... OS GOVERNANTES ROUBAM ATÉ NAS MARMITAS E PENSAM QUE A PLEBE TODA É SÓ GRATIDÃO... A MEIA LUA LANÇA ÂNCORA NA MADRUGADA, MENORES ROUBAM TOCA FITAS DOS CARROS ESTACIONADOS. OUTRAS TRIBOS PERAMBULAM ALUCINADAS , PELAS RUAS DE UM PAÍS DESGOVERNADO .... É PRECISO QUE SE ENTENDA DE UMA VEZ PARA SEMPRE , QUEM AMASSA BARRO NÃO, ANDA NADA CONTENTE, SÓ QUEM TEM GRANA NÃO RECLAMA , GANHA SEUS MILHÕES, ENTERRA SEUS DEFUNTOS, MERGULHANDO ALGUMAS LÁGRIMAS.....SE .... MUITO..... ESTILO : ROCK IN ROLL.... EU ERA O BATERISTA NA ÉPOCA E A BANDA SE CHAMAVA AZAS DE FOGO..... DEPOIS TIVEMOS PROBLEMAS COM O NOME PORQUE APARECEU O AZAS DE FOGO DE VERDADE E A GENTE TERMINOU A BANDA POR BRIGAS......INFELIZMENTE...

0 comentários:

Postar um comentário