Pages

Subscribe:

terça-feira, 29 de maio de 2012

Soneto da felicidade

Meu amor de nada adiantaria
Se você não existisse em minha vida.
Canto a canção do amor, falo a ti palavras bonitas.
De tal razão ao teu amor minha felicidade está contida.

Minha alma anseia pela sua completar
Deliro nos teus olhos e meu coração começa a palpitar
Meus pensamentos se voltam a ti
Nos meus sonhos posso te ver e te sentir.

Na realidade da minha vida te encontro e o amo de verdade
Faço você sentir o sabor da verdadeira felicidade!


*Autora: Eidiane

*Site: Mundo das Poesias

0 comentários:

Postar um comentário